.posts recentes

. "Palavras para quê"

. "O melhor do mundo são os...

. Vale a pena pensar nisto

. Filhos de pais em guerra

. "Mudar é bom"

. "O amor veio para ficar"

. Parabéns Ritas

. "Quem é vivo sempre apare...

. Uma casa portuguesa

. "Play sempre"

.arquivos

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

Sexta-feira, 24 de Abril de 2009

Somos livres de voar ou não?

Aí vem mais um ano em que se celebra a libertação de um povo que permaneceu tempo demais calado, sentado e esperando. Certo comentador disse hoje sentir que o povo é livre para agir e livre no pensar, mas que continua filho do Estado, esperando que este o salve, que aqueça as suas agruras, que resolva os seus problemas. Não satisfeito ainda disse que o cidadão português é rico em falta de iniciativa, criatividade, predominando a passividade, brotando a dependência e o medo do risco. Parece que este senhor quer dizer que somos livres de voar, mas que temos muito medo das alturas, ou dos ventos que balançam a nossa estabilidade e segurança. Mas meu senhor, partir para ilhas desconhecidas é desafiar o guião da vida e quem o desafia teme, mas deixe-me dizer-lhe que somos um povo que acreditando, luta com garra, com trabalho e perseverança. E ninguém é assim tão livre... livre é o pássaro que canta tranquilamente no seu império azul, sem entidade patronal, morando onde quer e lhe apetece, sem despesas e poiso fixo. Livre é a criança que não espera pelo amanhã, se tem o hoje já junto a si, que acredita que rir a fará ficar com menos rugas, e que o melhor comprimido é achar graça a tudo o que a vida tem, incluindo-se a si também. Mas não desanimem, não dizem que podemos ter uma criança dentro de nós, aliás que todos temos um ser pequeno dentro deste ser crescido que somos, então acho que o truque é puxá-lo para cima mais vezes! Viva a liberdade, viva quem por ela lutou. Estamos gratos.


publicado por teladosentir às 20:04

link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Maria de Jesus a 25 de Abril de 2009 às 16:45
Muito bonito este seu texto! Bem escrito, com um correcto e claro encadeado de ideias, que apelam à reflexão: Não me parece que sejamos diferentes dos outros povos. Realizámos através do tempo, grandes feitos e nem sempre soubemos agarrar as oportunidades que se nos ofereciam. Isto de fazer bem e mal é comum a todos os povos e a todos os seres humanos, considerados individualmente. Como povo, delegamos as nossas decisões a uma entidade governativa que está por sua vez integrada num mundo mais vasto, onde tudo se interliga e que perante as graves responsabilidades que tem, deveria dar o seu melhor na condução do nosso destino colectivo e na efectivação de possibilidades de crescimento e realização individuais.
Resta-me dizer que também aprecie as lutas pela liberdade e estou grata a quem nos arrancou à escuridão.


De rosafogo a 26 de Abril de 2009 às 23:00
Minha querida

Somos livres de voar, agarremos
o sonho dessa criança que vive dentro de nós e sonhemos em liberdade. O homem é do tamanho do seu sonho, já dizia o poeta. (Fernando Pessoa).Já sofremos demasiado, até do próprio pensamento se fugia, tal era o medo que transparecesse algo para fora dele.

Sempre belos estes textos, cheios de saber

Um beijinho grande, grande!


De rosafogo a 30 de Abril de 2009 às 23:04
Oi! tudo bem com a menina?

Hoje sinto toda a liberdade do Mundo aqui neste cantinho que quáse ninguém sabe que existe. Aqui não há a maldade dos homens, tudo é calmo e sereno, só se ouvem os passarinhos. Aqui custa a acreditar que hajam guerras por esse Mundo de Deus e é tal a liberdade que me apeteceu, visitá-la de novo, para lhe desejar um bom fim de semana.E que possa usufruir de tudo bom que a Vida tenha
para lhe oferecer.

Abraço grande


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.tags

. todas as tags